Como não abusar nas festas de final de ano?

santaFinal de ano muitas vezes é visto como momento de “enfiar o pé na jaca” quando se trata de alimentação. As festas desse período incluem alimentos e preparações muitas vezes hipercalóricas, ricas em gordura, carboidrato e açúcar. Porém, isso não quer dizer que não podemos saborear as receitas tradicionais junto da família e dos amigos, apenas devemos saber escolher quais as melhores opções e as porções adequadas para o nosso corpo. Então seguem algumas dicas para evitar erros e realizar mais acertos na alimentação nesse final de ano.

Erros do final do ano:

A ingestão elevada de alimentos ao ponto de superar o volume do estômago – o estômago do adulto comporta em média 600ml – não é benéfica para o organismo e pode acarretar em sobrecarga do sistema digestivo levando a mal estar, dores de cabeça e alteração da composição corporal, gerando o ganho de quilinhos extras.  Por isso é importante respeitar os horários das refeições nos dias de festas, fazer refeições pouco volumosas e escolher previamente o que irá comer, evitando beliscadas durante o dia.

A combinação de carboidratos refinados com gordura que encontramos na rabanada e em outras sobremesas é uma das principais responsáveis pelo ganho de peso, ela altera a química cerebral gerando um mecanismo de compensação, fazendo-o se tornar um “viciado” nessa combinação, atrapalhando assim aquela promessa de ser saudável no ano que se inicia. Então fuja dos doces ou procure versões mais saudáveis.

O excesso de álcool é nocivo para o organismo e a embriaguez nada mais é do que uma resposta cerebral à intoxicação. O álcool, além de possuir 7Kcal por grama e contribuir para o ganho de peso, gera perda de água e sais minerais no organismo resultando em desidratação, promove sobrecarga do fígado e dos sistemas de eliminação, altera funções de memória, tempo de reação, coordenação e equilíbrio. Para evitar essa intoxicação, alterne o consumo de bebidas alcoólicas com água na proporção de 1:1 em bebidas fermentadas como vinho e cerveja e 50ml para 200ml de água para bebidas destiladas como vodka e whisky.

Acertos do final do ano:

Pratos tradicionais que contribuem para manter a linha no Natal e no Réveillon são os ricos em proteína magra, que nutrem e dão saciedade como a carne de Perú sem pele, o Bacalhau e a Lentilha.

Acompanhamentos como o salpicão e o arroz de Natal podem ser otimizadas com o uso de iogurte natural no lugar da maionese e do arroz integral ou 7 grãos como base da receita respectivamente. E ao escolher os acompanhamentos decida por apenas uma opção de carboidrato, e não misture no mesmo prato arroz, farofa, batatas ou outras raízes, quiches, bolo salgado ou outras receitas ricas nesse nutriente.

Típicas dessa época as oleaginosas, como nozes, avelãs, amêndoas e castanhas são ótimas opções para dar saciedade, pois além de possuírem fibras, contém gorduras boas e minerais que contribuem para o funcionamento ótimo do organismo. Uma porção de até 50g, o que equivale a um punhado pode ser consumida como um lanche antes da ceia.

As frutas secas, também presentes na ceia, são opções ideais como sobremesa, elas contêm fibras e alta concentração de vitaminas e minerais, e apesar de doces não irão prejudicar o corpo como um Chocotone ou uma Torta de Nozes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s